A farsa da apresentação de Pabllo Vittar na ONU em Nova Iorque

0
349

Vários sites de noticias, jornais e revistas brasileiras noticiaram a “grande” performace de Pabllo Vittar na sede das Nações Unidas em Nova Iorque ontem dia 18 de Junho, só o que todos omitiram ou tiveram a preguiça de pesquisar sobre essa atuação, é que se tratava de um convite da ONG, LGBT Global Citizen, para apresentação de 3 músicas nos corredores das Nações Unidas.

Nenhum auditório ou espaço oficial foi usado para essa apresentação, eventos dessa natureza é comum e qualquer pessoa com uma boa amizade nos quadros de funcionários pode pedir um espaço dos corredores para apresentações culturais, sendo que muitos artistas plásticos e músicos brasileiros também já se apresentaram nesses corredores.

A mídia brasileira gosta de dar destaque para “queridinha” LGBT brasileira é muito bacana  e natural, o que não é natural é fingir que se tratava de um convite da ONU para que se apresenta-se em nome dos  “serviços prestados” em prol da comunidade LBGT, valendo ressaltar que ele é uma referencia SIM, mas “serviços prestados” até o momento não foi nenhum e show gratuito em prol de alguma ONG LGBT muito menos.

Segundo informações de um brasileiro que passava no local dessa apresentação, ao saber que ele iria se apresentar, esse pessoa ficou esperando, porem o que chamou a atenção foi que decepcionado com o espaço, a assessoria de Pabllo Vittar, acabou por focando as imagens somente no rosto do cantor e não na platéia que em sua maioria não sabia quem era ele.

Nenhum site, redes sociais ou órgãos oficial das Nações Unidas noticiou sua apresentação, e como Pabllo Vittar devia marcar seus patrocinadores no post de seu Instagram, melhor foi participar, mesmo que fosse no corredor, o que não é nenhuma falta de respeito, pelo contrário, motivo de orgulho, porém os fatos verdadeiros são esses!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.