Ex-São Paulo, Palhinha “compra” time em Portugal e tenta levá-lo à elite

0
18

Enquanto tomava um café em Lisboa ao lado do colega Artur Moraes, ex-goleiro de Cruzeiro, Roma e Benfica, Palhinha comentou despretensiosamente que estava atrás de uma fabricante de material esportivo. Bicampeão mundial com o São Paulo em 1992 e 1993, o ex-atacante havia comprado um clube no futebol português e começava o projeto praticamente do zero.

Foi, então, que ele ouviu a sugestão do amigo para procurar um representante local da Adidas. E funcionou: pouco depois, conversas encaminhadas, contrato fechado e menos uma pendência na lista que Palhinha mantém à frente do União de Almeirim. Desde o fim do primeiro semestre, a equipe que milita na quarta divisão local tem concentrado os esforços do ex-craque tricolor para reerguê-la e levá-la até a elite para brigar com os grandes Benfica, Porto e Sporting.

Em assembleia de sócios realizada em abril, o negócio de compra foi aprovado, com o repasse de 90% das ações da SAD (sociedade anônima desportiva) para a empresa “Palhinha 9 Sports, Unipessoal Lda” e outros 10% ficando com o clube. Ao todo, conforme apurado pela reportagem, a operação teve um custo inicial de 200 mil euros (R$ 870 mil na cotação atual).

O investimento foi resultado de uma verdadeira saga ao redor de Portugal caçando um clube que reunisse as condições que o atual empresário de 51 anos procurava no mercado e, claro, que também concordasse com a sua proposta. “O início foi a parte mais complicada”.  “Eu cheguei em dezembro com meu parceiro Luiz (Antônio Duarte Ferreira, ex-presidente do Marília-SP) e nós começamos a procurar uma equipe pelo país. Andamos de um lado para o outro, fomos em Almada, Cascais, Viana do Castelo, Rio Maior e outros lugares para encontrar um clube que nos permitisse fazer um trabalho embrionário, com sub-15, sub-17, sub-19 e também profissional”.

Fonte: Uol Esportes

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.