Motorista de aplicativo tenta estuprar passageira em Belo Horizonte

0
120

A Polícia Civil vai investigar uma tentativa de estupro de uma passageira por um motorista de transporte por aplicativo, de 43 anos, em Belo Horizonte. O crime teria ocorrido no último domingo (10), mas foi registrado somente nessa terça-feira (12).

Segundo o boletim de ocorrência, a vítima, de 18 anos, e o namorado pegaram o carro no bairro Santa Efigênia, na região Leste da capital, com destino ao bairro Céu Azul, na Pampulha. Porém, antes passaram pelo bairro Aparecida, na região Noroeste, onde deixaram o rapaz.

A vítima seguiu com o motorista, mas antes de chegar ao destino, o homem teria desviado para o bairro Itapoã, também na Pampulha, onde teria acontecido o abuso. De acordo com a Polícia Militar, ele teria tentado passar a mão na perna da moça e, em seguida, tentado tirar a calça dela. Ela teria reagido e dado um chute na poltrona do veículo e acertado a mão dele.

Em outra investida, ele teria tentado tirar a blusa dela e, neste momento, a vítima contou que mordeu a mão do motorista e começado a chorar dizendo que estava grávida. O suspeito teria interrompido as agressões e levado a moça até em casa. A vítima teria descido do carro e jogado o dinheiro pela janela. Antes de ir, o autor ainda teria dito a moça que ela tinha os olhos bonitos.

De acordo com a assessoria de imprensa da Polícia Civil de Minas Gerais, o suspeito ainda não foi preso. Um inquérito já foi instaurado na Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e corre em sigilo.

Em nota, a empresa 99 informou que assim que recebeu a grave denúncia envolvendo um motorista da plataforma, o perfil do condutor foi imediatamente bloqueado do aplicativo. E que trabalha para colaborar com a segurança dos usuários e usuárias.

“A empresa repudia veementemente a ocorrência e tem uma política de tolerância zero com qualquer forma de violência, especialmente contra a mulher. O aplicativo se solidariza com a vítima e lamenta profundamente. A companhia está buscando contato com ela para prestar todo o apoio que for necessário e também se encontra aberta a colaborar com a polícia”, diz o comunicado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.