Mulher de Freddie Mercury, já recebeu mais de R$ 140 mi com o filme

0
144

Mary Austin, a misteriosa mulher que é considerada o grande amor da vida de Freddie Mercury, vai receber nessa semana o primeiro pagamento referente aos royalties a que tem direito sobre a bilheteria internacional total de “Bohemian Rhapsody”, a cinebiografia do líder do “Queen” que está entre os filmes mais lucrativos do ano passado. A bolada gira em torno de US$ 38 milhões (R$ 140,6 milhões).

Filmado com um orçamento de apenas US$ 52 milhões (R$ 192,3 milhões), baixíssimo para os padrões de Hollywood, o filme faturou até agora mais de US$ 774 milhões (R$ 2,86 bilhões) em todo o mundo, sendo que 10% do valor arrecadado com a venda de ingressos deverá ir para a conta da empresa que administra o espólio do cantor, da qual Austin é sócia com uma cota de 50%.

Apesar de ter tido seu casamento com Mercury cancelado antes da morte dele em 1991, Austin, que o conheceu quando dava expediente em uma boutique descolada de Londres, foi uma das principais beneficiárias no testamento deixado pelo ídolo musical, e desde então embolsa a metade de todos os rendimentos post mortem gerados pelo intérprete de “Love of My Live”, música composta em sua homenagem. (Por Anderson Antunes)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.